Quarta-feira, 13 de Outubro de 2010
Finalmente...temos Ordem dos Nutricionistas!
É com muito prazer que transcrevo esta notícia que saiu no site da Associação Portuguesa de Nutricionistas (www.apn.org.pt)! Esperamos que seja agora que deixemos de ter Psicólogos ou Engenheiros Alimentares a darem consultas de nutrição e que comece a haver alguma organização relativamente a preços, para não haver as famosas consultas "grátis" em que se sai de lá com uma mão cheia de suplementos alimentares, de bolso vazio e muitas vezes com menos saúde...
  
"No dia 8 de Outubro, foi aprovado o Projecto de Lei da criação da Ordem dos Nutricionistas.

 

Este projecto foi discutido em plenário no passado dia 19 de Março, tendo sido aprovado na generalidade a 25 de Março e seguiu para a comissão de especialidade (Comissão de Trabalho, Segurança Social  e Administração Pública), onde foi aprovado no passado dia 28 de Setembro.

 

Este processo iniciou-se há mais de 10 anos, pela mão Associação Portuguesa dos Nutricionistas (APN), sendo que em Janeiro de 2009, esta Associação, remeteu à Assembleia da República um estudo independente que aborda a necessidade de criação desta Ordem, em termos de realização de interesse público e seu impacto sobre a regulação desta profissão, e que contou com o parecer positivo do Ministério da Saúde, em Maio de 2009.

 

Os profissionais da nutrição estão satisfeitos com a criação da Ordem dos Nutricionistas que lhes permitirá desenvolver para a sua profissão, de interesse público, sujeita a requisitos de ordem deontológica, um mecanismo de auto-regulação profissional oficialmente estabelecido, incluindo poderes de auto-regulamentação e autodisciplina.

 

Os  cidadãos são os que mais sofrem as consequências de um mercado desregulado nesta área, sendo que a aprovação e instituição de uma Ordem permitirá uma protecção mais eficiente dos seus direitos e garantias.  

 

Alexandra Bento, Presidente da APN, lembra que “com a criação da Ordem dos Nutricionistas ficarão salvaguardados os direitos e as garantias do cidadão no que diz respeito à prática da Nutrição”. Refere ainda que “Esta era uma pretensão dos nutricionistas, já de vários anos”.

 

Alexandra Bento refere que “instituições como esta que se criou em Portugal, já existem noutros países, sendo que a que mais  se equipara à situação portuguesa é a do Conselho Federal de Nutricionistas do Brasil, que desempenha as funções de uma Ordem há mais de 40 anos e com muito sucesso.”
publicado por Cátia Pontes às 11:13
link do post | comentar | favorito
|
.: Cátia Pontes
.: despensa

Setembro 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Maio 2009

Fevereiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

.: alimentarte aconselha
subscrever feeds