Quarta-feira, 2 de Fevereiro de 2011
Acupunctura é Património da Humanidade

A Acupunctura, um dos ramos que compõe a Medicina Chinesa, já havia sido reconhecida pela Organização Mundial de Saúde. Entretanto, em Novembro de 2010 a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) reconheceu a Acupunctura como Património Cultural Imaterial da Humanidade.

A decisão foi conhecida durante a realização do Comité Intergovernamental da Unesco, em Nairóbi, no Quénia, a 16 de Novembro. Também foram proclamados nessa categoria a Ópera de Beijing e a Moxabustão, outra especialidade da Medicina Chinesa.

A lista do património cultural imaterial da humanidade foi criada em 2003 com o propósito de proteger as culturas e tradições populares.

A Acupunctura é uma das partes do todo da Medicina Chinesa, sendo uma das disciplinas mais importantes desta Medicina. Trata-se de uma técnica medicinal que consiste na colocação de agulhas muito finas em pontos específicos do corpo com o fim de melhorar o estado de saúde.

A Acupunctura trata doenças diagnosticadas segundo as regras da Medicina Chinesa e usa-se a par de outras técnicas, como a Fitoterapia, a Massagem Energética (Tui Na), a Ginástica Energética (Qi Gong), a Moxibustão (o uso de um charuto de planta medicinal para aquecer os mesmos pontos que se usam com as agulhas), as ventosas (espécie de pequenos copos que são usados para fazer o efeito de sucção sobre os mesmo pontos da Acupunctura).

 

www.umc.pt

publicado por Cátia Pontes às 16:48
link do post | comentar | favorito
|
Insectos serão fonte de proteínas alternativa à carne

 

Poderá a mentalidade ocidental mudar, caso se tenha de alimentar de insectos no futuro, como alternativa à carne? “Têm um sabor semelhante ao das avelãs, são ricos em proteínas, pobres em gordura e não transmitem doenças aos humanos que os consomem”, segundo uma equipa de cientistas holandeses. Na Tailândia, por exemplo, os gafanhotos fritos são uma das iguarias que os turistas não deixam de experimentar.

 

Os investigadores da Universidade de Wageningen (Holanda) acreditam que os insectos poderão vir a substituir a carne no nosso prato e justificam que são uma fonte de proteínas mais saudável e um alimento mais amigo do ambiente.

“Um dia, o Big Mac poderá custar em média 120 euros e um Bug (Insecto) Mac apenas 12 e as pessoas a escolher a última opção serão mais numerosas do que as que escolherão o hamburger”. Esta foi a frase, do entomologista Arnold van Huis, que mais surpreendeu numa conferência que decorreu na Universidade de Wageningen.

O encontro teve como objectivo apresentar os últimos resultados das investigações realizadas pelo grupo de trabalho e incluiu a mostra de vários petiscos menos habituais: chocolate com morcões, rolinhos de grilos, quiche de larvas, entre outros.

Marcel Dicke, responsável pelo departamento de Entomologia da Universidade de Wageningen, não acredita que a mentalidade ocidental mude facilmente e que as pessoas comecem a consumir este tipo de alimento. Abelhas, joaninhas térmitas são algumas das 1400 espécies de insectos comestíveis, revelou ainda acrescentando: “vai chegar o dia em que teremos forçosamente que reduzir o consumo de carne e teremos de encontrar uma alternativa”.

A Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO) explica que o planeta contará com nove milhões de habitantes, em 2050, e a superfície de terras agrícolas já começou a diminuir. Com dez quilos de vegetais produzem-se seis a oito quilos de insectos, comparativamente, apenas daria origem a um quilo de carne. Actualmente, já se consomem 500 variedades de insectos no México, 250 em África e 180 na China, onde são considerados um prato ‘gourmet’.

 

www.cienciahoje.pt

publicado por Cátia Pontes às 16:34
link do post | comentar | favorito
|
.: Cátia Pontes
.: despensa

Setembro 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Maio 2009

Fevereiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

.: alimentarte aconselha
subscrever feeds