Sexta-feira, 29 de Julho de 2011
Alimento da semana - MELANCIA

No Verão poucos lhes resistem, a melancia, refrescante e saudável, possuí propriedades nutricionais e medicinais que a torna, além de saborosa, um precioso auxiliar do funcionamento do corpo humano.

A melancia não é água, mas quase: 93% da sua polpa é constituída por água, o que a torna um bom substituto do líquido natural para quem não consegue beber a dose diária indispensável.
Esta fruta é senhora de excelentes qualidades nutricionais, possuindo hidratos de carbono e vitaminas A, C e do complexo B em boas quantidades. Cálcio, fósforo, magnésio e ferro são sais minerais que fornece também em abundância.

A vitamina A, oferecida em boa quantidade pela melancia (uma porção supre, aproximadamente, 10% das necessidades diárias da vitamina), é importante para a saúde dos olhos e contribui para o bom funcionamento do sistema de imunológico, assim como as vitaminas B5 e B6, que ainda actuam na modulação dos receptores de hormonas no organismo.

O ferro é essencial para o transporte de oxigénio e a formação de glóbulos vermelhos no sangue. O potássio actua como regulador da pressão e do pH sanguíneos e auxilia os processos digestivos e as contracções musculares — após actividades físicas muito intensas, a reposição de potássio no organismo ajuda na recuperação dos músculos. E o magnésio é importante para o desenvolvimento dos ossos e dentes.

A melancia é também rica em carotenóides, substâncias antioxidantes, que têm demonstrado uma acção protectora contra o desenvolvimento de doenças crónicas, como as cardiovasculares e cancro, previne a oxidação celular e contribui para a diminuição de risco de doenças oculares.

Os principais compostos antioxidantes da melancia são os carotenóides licopeno e beta caroteno.

Alguns estudos mostram que o licopeno, o principal carotenóide da melancia, pode diminuir o nível de colesterol no sangue, tendo assim uma acção protectora em relação às doenças cardiovasculares. Outras pesquisas mostram uma associação entre o licopeno e a diminuição do risco de cancro de próstata e da mama.

Boas razões para saborear esta fruta de Verão por excelência, têm também as pessoas que sofrem de tensão alta, reumatismo ou gota. A melancia é ainda eficaz no tratamento da acidez estomacal e de problemas da boca e da garganta, provoca a eliminação de ácido úrico, limpando o estômago e o intestino.

Entre as suas propriedades nutricionais podemos destacar o seu potencial diurético que auxilia na eliminação da urina, o que melhora o funcionamento dos rins, e consequentemente diminui as sensações de inchaços provocada pela retenção de líquidos.

Além de todos esses benefícios associados ao consumo da melancia, esta fruta é campeã de baixas calorias (24Kcal/100g de alimento), já que é pobre em açúcares, ao contrário da maioria dos frutos e a sua maior parte é constituída por água, o que a torna um excelente hidratante. A melancia é ideal para os lanches que devemos realizar entre as refeições pelas poucas calorias que contém. Por esta razão é indicada nos regimes para perda de peso.

 

Na hora de comprar, a melancia deve ser simétrica e uniforme, com a superfície cerosa, sem fendas, cicatrizes, escaldões ou outros defeitos. A melancia cortada deve ter polpa firme, crocante e cor brilhante.

 

Dicas de conservação:

À temperatura ambiente, num local fresco e escuro entre 7 e 10 dias.

No frigorífico, depois de a abrir, até 2 dias. Pode também ser cortada em cubos para ser congelada.

 

Receita: refresco de melancia e frutos vermelhos

 

Ingredientes:

  • 600 g de melancia limpa (sem casca nem pevides)
  • 250 g de frutos vermelhos (frescos ou congelados)
  • água gelada
  • açúcar
  • 1 limão ou lima
  • gelo picado
  • folhas de hortelã

Preparação:

 

Corte a melancia em cubos para o copo liquidificador. Junte os frutos vermelhos e cerca de 8 dl de água.
Triture tudo, adicione açúcar a gosto e um pouco de sumo de limão ou delima.
Volte a triturar e reserve no frigorífico até à altura de servir.
Distribua gelo picado por copos altos, divida o refresco pelos copos e sirva enfeitados com uma folhinha de hortelã e meia rodela de limão ou de lima.

publicado por Cátia Pontes às 15:16
link do post | comentar | favorito
|
.: Cátia Pontes
.: despensa

Setembro 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Novembro 2009

Outubro 2009

Maio 2009

Fevereiro 2009

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

.: alimentarte aconselha
subscrever feeds